sexta-feira, 22 de julho de 2011

EXPLICANDO UMA CITAÇÃO

Objeto de estudo

"As grandes obras são sonhadas por gênios, executadas pelos lutadores, desfrutadas pelos felizes e criticadas pelos inuteis." (Autor desconhecido)

Explicação


"As grandes obras são sonhadas por gênios (Gênios são os que se acham assim), executadas pelos lutadores (Os escravos e trabalhadores), desfrutadas pelos felizes (que são os mesmos gênios) e criticadas pelos inuteis (que é como os gênios consideram quem paga a conta e, como eles, não são os gênios)."

A tentativa da frase, nada mais é do criticar a quem critica, ou seja, atinge o próprio pensador.

Conceituação filosófica

O termo crítica provém do grego crinein, que significa separar, julgar. É um ato do espírito que preserva o que merece ser afirmado e põe em dúvida a pretensão daquilo que vai além do seu domínio de aplicação e, portanto, não merece ser afirmado.

A crítica é um julgamento de mérito: tal julgamento é estético, se contempla uma obra de arte; lógico, se contempla um raciocínio; intelectual, se contempla um conceito, uma teoria ou um experimento; moral, se contempla uma conduta.

Esse julgamento de mérito é fruto de uma atividade da razão, esse poder de distinguir o verdadeiro do falso, que age como uma espécie de tribunal. Ele pode tomar por objeto a própria razão, pelo exercício da crítica da razão, separando, distinguindo o domínio dentro do qual a razão pode ser exercida daquele em que ela delira a cada vez que pretende conhecer o absoluto, aquilo que tem sua razão de ser em si mesmo e a que não corresponde nada de sensível.

Pertencendo à ordem de um ato de espírito que duvida antes de afirmar, a crítica pertence, então, à ordem da liberdade de espírito. (fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Crítica)

Nenhum comentário:

Postar um comentário